Arquivo | História RSS for this section

Leis da Selva!

Saudações Galera

Achei as “Leis da Selva” em um blog de sobrevivencialismo, achei muito legal – além do mais é de autoria Ten. Cel. Inf. QEMA Gélio Augusto Barbosa Fregapanio:

 

  1. Tenha a iniciativa, pois não receberá ordens para todas as situações. Tenha em vista o objetivo final;
  2. Procure a surpresa por todos os modos;
  3. Mantenha seu corpo, armamento e equipamento em boas condições;
  4. Aprenda a suportar o desconforto e as fadigas sem queixar-se e seja moderado em suas necessidades;
  5. Pense e aja como caçador, não como caça; e
  6. Combata sempre com inteligência e seja o mais ardiloso.

 

Se me permitem, essas leis valem tanto para a selva de pedra, selva e dia a dia da vida comum – hehehe – com adaptações claro.

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Centro_de_Instru%C3%A7%C3%A3o_de_Guerra_na_Selva

 

Bons jogos.

 

Anúncios

Valores do Paintball!

LOGO WPBO

Saudações Galera

O site da WPBO não trás muita coisa para nós jogadores e entusiastas em termos de notícias, comentários e outras coisas.

Mas eles colocaram um assunto muito legal, que a maioria das empresas possuem: Missão!

 

http://wpbo.info/about

 

Achei muito legal, mas na verdade o que me chamou mais a atenção e meu interesse foi: Os Valores do Paintball!

Muito show! Saca só:

  • Integridade;
  • Paixão;
  • Solidariedade;
  • Disciplina;
  • Respeito.

É por esses valores que a WPBO vai direcionar sua história em busca do paintball olímpico (admito que essa última parte é idéia minha – hehehe). Mas são esses valores que nortearam as tomadas de decisões dos seus representantes.

Por que achei legal?! Porque todos os times possuem seus valores intrínsecos, mesmo não sabendo nomeá-los – HÁ!.

Amizade, Respeito, Diversão, Companheirismo… não precisam ser 5, podem ser mais; podem ser menos; mas para quem conhece seu time está lá estampado na cara seus valores; acabei de citar os valores dos Patos – hehe.

Tem gente que dá mais ênfase em Disciplina, Zoação, Competitividade… hahaha – porque desse assunto? Pretendo abordar uns assuntos um tanto espinhosos mais para frente onde vou apelar para o bom senso das pessoas, e os valores do paintball mais os valores do seu time serão a base para esse bom senso.

Bons jogos.

galera

Lema – Semper Fidelis!

Saudações Galera

Tivemos uma galerinha pesquisando e perguntando sobre “nosso” lema – Semper Fidelis – do latim “Sempre Fiel”, que tem haver sobre os patos serem a “nossa cara” (não sabe das características dos patos? Um exemplo: quando um pato abandona a formação de voo em V, doença ou cansaço, outros dois vão com ele para garantir proteção e ficam com ele até voltarem para a próxima formação que passar – não assisti a Discovery não!?! hehehehe), mas não é exclusividade dos PatosLocosPaintball não.

Os fuzileiros navais norte americanos usam como lema, cidades da Europa também, e assim vai… e sim, existe um monte de outros lemas, que vocês podem pegar para seu time.

Lemas, são como logos, que são como o nome do seu time, é de gosto de cada um – hehe – vocês perceberam como o dos Patos é bem interligado – amizade, diversão e competitividade em doses certas (hã, tem mais diversão – hahahaha).

Espero ter ajudado vocês que caíram por aqui pela pesquisa do tema, e você que está trabalhando para montar seu time, não esquece que além do lema, logo e nome, tem ainda música e grito de guerra – hahaha – qua já falamos um monte por aqui – continua pesquisando no site – hahahahaha.

 

 

Posição dos jogadores – Speed!

Speed4

Saudações Galera

O pessoal mais novo tem perguntado quais são os nomes das posições de speed que os jogadores utilizam.

“Há muito tempo atrás”… hehe – quando eu comecei a jogar existia sim uma definição para essas posições, e cada um tinha sua função específica, claro que hoje isso não se aplica tanto, mas a nomenclatura ficou. Seriam:

  • Front – “atacantes” – os jogadores que avançam logo de cara no início da partida, corriam pra snake ou para o bunker do lado contrário, normalmente tinham munição menor para facilitar a locomoção;
  • Middle – “meio” – pessoal que fazia os tiros de supressão tinham um pouco mais de munição que os front’s e atuavam mais na “defesa”, e que contra atacavam a estratégia adversária;
  • Back – “atrás” – jogadores responsáveis em fazer o tiro de barragem logo no início da partida, são os que mais tinham munição, faziam depois os disparos de supressão. Muito raramente finalizavam uma partida.

 

teste2

Como comentei, isso a MUITO TEMPO ATRÁS, depois praticamente o pessoal de Middle sumiu, todos começaram a levar mais munição, mesmo correndo feito doidos – hehe – e os Back’s viraram corredores, alguns são famosos até hoje por jogar nessa posição e finalizarem partidas homéricas – vi um ganhar em 3X1 – muito loco.

Hoje os jogadores são mais “completos”, jogam em várias posições no campo, são ambidestros, correm bem, mira, disparos… enfim – profissionais/esportistas – claro que nem todos – haha – mas é a evolução do esporte; agora eles tem que ter a mente mais afiada por causa da regra nova de liberar o layout só em cima da hora (PSP), e vai ficar melhor caso pegue a regra de levar apenas 500 bolinhas para cada game (Millennium).

Espero ter conseguido responder as suas dúvidas – bons jogos.

Placa colorida

Evento de Paintball! E agora?

estrat

Saudações Galera

Com esse monte de eventos pipocando pelo nosso Brasil e até pelos jogos internacionais, até parece que é moleza organizar um evento de paintball.

O que vocês acham?

Vamos dizer que você conseguiu achar um local maneiro para jogar paintball, tem permissão do dono (se for o caso), bolou a missão (ou pegou aqui no blog no sumário de missões – heheh) e claro, conta com amigos para a organização do campo e para serem os juízes, há – conseguiu até patrocinadores (água, comidas e estação de recarga, etc).

 

Muito bem; é só?

 

Não, tem muito mais, as dicas do pessoal da Kommandos são muito boas:

http://www.revistakommandos.blogspot.com.br/p/dicas.html

 

E somem a elas os seguintes pensamentos: autorização do pessoal da polícia para a realização do evento, pelo menos avisa o pessoal e a vizinhança que vai rolar um jogo, para não ter complicações posteriores; se conseguir uma ambulância com o pessoal da Secretaria de Saúde da sua cidade vai dar um toque especial, isso não é tão complicado quanto parece, converse com eles, vocês vão se surpreender.

 

Hã – sim – é demorado e trabalhoso e tem que ser feito com antecedência para se ter um EVENTO bem bolado, mas vai por mim, vale a pena.

 

Pessoal um esquema desses é tão grande que sem seus amigos para te ajudar nada vai dar certo – desde a elaboração das missões até a organização do pessoal no dia do jogo – só pra terem uma iédia, eu até pedi ajuda pro Paulo (GoEP) e do Mec (CAD Paintball) que manjam dos “esquemas” pra ver se não falo muita besteira – hahahahhaha – segue as recomendações deles:

 

?????????????????

“Que os organizadores tenham em mente o seguinte: o que você pensa, deseja ou imagina, quando faz um evento? Mostrar para as pessoas a capacidade da sua equipe em torno de organização? Proporcionar as outras equipes um evento da altura que você gostaria de participar? São perguntas onde a resposta é praticamente uma só: EMPATIA.

 

Em todos os casos você deve se colocar na pele da pessoa que vai participar do evento:

  • Segurança
  • Hospitalidade
  • Informação
  • Organização

 

Esses são atributos de primeira linha, e precisam ser testados a todo momento, para nada fugir do controle. Nada de gambiarra, tenha excelência, use os benchmarking de outros eventos, multiplique o bom, melhore o mais ou menos e exclua o ruim.
Um exemplo disso são as faixas com velcro, a primeira vez que vi, foi no evento Nordwind aqui em SC, fizemos a mesma coisa no Dog Days e já vi fotos de outros eventos com esse tipo de identificação, muito melhor do que as fitas adesivas.

 

 

Quanto ao “campinho”, onde as pessoas vão fazer os games, isso vai da criatividade e dedicação, já vimos locais dos sonhos como a Nuketown da Tippmann, mas também campos muito bem bolados com pequeno espaço, e a diversão foi satisfatória também.

Como organizador, você deve deixar a imparcialidade de lado, mesmo que aquele seu camarada venha pedir algo que fere a ordem coletiva, não faça, mostre a ele que se fosse ele, faria o mesmo, que as pessoas iriam se sentir passadas pra tras, caso abrisse exceção para ele.

Cada evento é diferente e tem suas particularidades, e muitas coisas fogem ao padrão, algumas regras se mantêm mas outras são feitas adequadamente para cada evento, e caso tenha alguma exceção a regra, informe antecipadamente.

O mais importante de tudo, tenha consciência de que não vai ser 100%, busque alternativas, escapes, se adapte as dificuldades.

 

Faça com amor ao esporte e com muita educação e respeito a todos.

 

E no final valorize tudo que foi bom, deixando de lado qualquer eventualidade.

 

Abraço

MEC CAD Paintball e Paulo GoEP”

 

 

É isso aí pessoal – bons jogos e MUITA TINTA.

 

Correndo